Manchester United
Manchester United

Manchester United anuncia a contratação de Jadon Sancho após extensa 'novela'

Meia-atacante inglês foi contratado do Borussia Dortmund, da Alemanha, por R$ 449 milhões

Redação, O Estado de S.Paulo

23 de julho de 2021 | 15h52

O Manchester United anunciou nesta sexta-feira a contratação do meia-atacante Jadon Sancho, jovem sensação inglesa que estava no Borussia Dortmund. Entre muitas idas e vindas, a novela sobre o anúncio oficial finalmente terminou com o pagamento de cerca de 73 milhões de euros (R$ 449 milhões)  e um contrato de cinco anos.

"Sempre serei grato ao Dortmund por me dar a oportunidade, embora sempre soubesse que voltaria a Inglaterra um dia", disse Sancho no site oficial do tradicional clube inglês. "A chance de ingressar no Manchester United é um sonho que se tornou realidade e mal posso esperar para jogar na Premier League (Campeonato Inglês)".

A mudança de Sancho para o estádio Old Trafford vem quase um ano depois das primeiras investidas do Manchester United para contratar o jogador de 21 anos.

Para o técnico da equipe de Manchester, o norueguês Ole Gunnar Solskjaer, a contratação de Sancho deve beneficiar muito o setor de ataque. Só no Borussia Dortmund, onde começou aos 17 anos depois de ser revelado pelo Manchester City, o meia-atacante fez 50 gols e 57 assistências em 137 partidas na Alemanha.

"Jadon representa o tipo de jogador que quero trazer para o clube. Ele é um jogador ofensivo e tem tudo a ver com a tradição no ataque do Manchester United", disse Solskjaer. "Ele será parte integrante do meu time nos próximos anos e estamos ansiosos para vê-lo florescer", acrescentou.

O fato de ter apenas 21 anos não é problema algum em termos de maturidade, segundo o treinador. "Para um jogador da sua idade, Jadon já conseguiu muito e mostrou coragem para ir e provar o seu valor no estrangeiro", completou Solskjaer.

Sancho é a segunda contratação do Manchester United nesta pré-temporada, depois que o goleiro reserva Tom Heaton assinou um contrato de dois anos no início deste mês.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.