Divulgação
Divulgação

Manchester United confirma covid-19 e Alex Telles vira dúvida na seleção

Lateral-esquerdo não tem sintomas e deve ficar pelo menos dez dias afastado das atividades

Redação, O Estado de S.Paulo

28 de outubro de 2020 | 22h52

A seleção brasileira poderá sofrer mais uma baixa para os dois jogos das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022 marcadas para novembro. Nesta quarta-feira, o técnico do Manchester United, Ole Gunnar Solskjaer, confirmou que o lateral-esquerdo Alex Telles testou positivo para a covid-19.

Por essa razão, o jogador foi baixa na goleada de 5 a 0 sobre o RB Leipzig nesta quarta, pela fase de grupos da Liga dos Campeões. O treinador confirmou o teste positivo do brasileiro após a vitória. Telles também foi desfalque no empate sem gols com o Chelsea, no fim de semana, em rodada do Campeonato Inglês.

"Ele testou positivo para o coronavírus. Mas não tem sintomas. Está bem e mal podemos esperar para tê-lo novamente conosco", declarou o treinador. Solskjaer não informou quando foi realizado o teste que deu positivo para o jogador. 

Pelos protocolos sanitários da covid-19, o jogador deve ficar ao menos dez dias afastado das atividades. O Brasil enfrenta Venezuela e Uruguai nos dias 13 e 17 de novembro, pelas Eliminatórias. Em tese, Telles poderia estar de volta a tempo dos jogos. No entanto, estaria fora de forma física para defender a seleção. 

Se Telles for confirmado como baixa do time de Tite, será a terceira seguida desta convocação. Isso porque Philippe Coutinho, do Barcelona, e Fabinho, do Liverpool, já foram cortados por motivos de lesão. Lucas Paquetá e Allan foram chamados por Tite para substituir os dois jogadores vetados.

Há também o risco de Tite perder Neymar. Nesta quarta, ele deixou a partida do Paris Saint-Germain na Liga dos Campeões com dores. Deve ser avaliado pelos médicos do clube francês nesta quinta.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.