Manchester United empresta atacante de 19 anos a time da 2ª divisão inglesa

O Manchester United confirmou nesta sexta-feira que emprestou o jovem atacante James Wilson, de apenas 19 anos de idade, ao Brighton & Hove Albion, clube da segunda divisão do futebol inglês. E o jogador de ataque deixa o clube justamente em um momento no qual o time tem sofrido para marcar gols - deixou de balançar as redes em quatro das suas últimas sete partidas.

Estadão Conteúdo

27 de novembro de 2015 | 12h57

A jovem promessa assinou contrato para defender o Brighton & Hove Albion até o final desta temporada do futebol europeu e, com sua saída, o elenco do Manchester passará a contar apenas com Wayne Rooney e Anthony Martial como atacantes de ofício.

O número pequeno de jogadores para a posição tem motivado o técnico Louis van Gaal a escalar os meio-campistas Marouane Fellaini e Memphis Depay improvisados como atacantes em jogos da equipe.

Nesta sexta-feira, ao justificar a saída de James Wilson, o treinador holandês admitiu, em entrevista coletiva, que "em um curto prazo, talvez isso não seja tão bom para o Manchester United, mas que, a longo prazo, é melhor". "Isso é parte do desenvolvimento de um jogador", afirmou o comandante, que tem sido criticado no United também pelo estilo de jogo defensivo que vem adotando na equipe.

"Imagino que os torcedores pensam que essa transação é ridícula, pois o time tem dificuldades de marcar gols, mas essa é uma cessão a curto prazo. Temos de pensar no que é melhor para jogadores jovens como Wilson. Ele não tem tido muitas chances de jogar no mais alto nível. Temos confiança nele, assim como tem de se desenvolver em outro lugar. Se necessitarmos, o chamaremos", enfatizou Van Gaal, que prepara o Manchester para encarar o líder Leicester City, fora de casa, neste sábado, em jogo que poderá valer a ponta ao United - o time está um ponto atrás na vice-liderança.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolManchester UnitedJames Wilson

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.