Glyn Kirk/AFP
Glyn Kirk/AFP

Manchester United marca golaço, mas só empata com o Southampton fora de casa

Time de Manchester amargou seu terceiro jogo seguido sem triunfar, tendo vencido apenas o Chelsea

Redação, Estadão Conteúdo

31 de agosto de 2019 | 11h27

O Manchester United não consegue se encontrar neste início de Campeonato Inglês. Neste sábado, o time do técnico escocês Ole Gunnar Solskjaer teve tudo para sair de campo com a vitória, mas, mesmo com um jogador a mais por um bom tempo, só empatou em 1 a 1 com o Southampton na abertura da quarta rodada.

O resultado deixa o United com cinco pontos, na quarta colocação da tabela momentaneamente, pois todos os outros times ainda jogam na rodada. O time de Manchester amargou seu terceiro jogo seguido sem triunfar. A única vitória na competição nacional ocorreu em sua estreia, quando fez 4 a 0 no Chelsea. Já o Southampton soma quatro pontos.

Desde então, além da igualdade deste sábado, o United empatou com o Wolverhampton e foi derrotado Crystal Palace em casa na rodada anterior. A equipe de Solskjaer consegue mostrar apenas alguns lampejos de bom futebol e não é capaz de embalar na temporada.

Nestes primeiros jogos, os lances de talento têm ficado a cargo de Daniel James. Contratado nesta temporada junto ao Swansea por cerca de R$ 74 milhões, o atacante galês de 21 anos não tem decepcionado e abriu o placar no St. Mary's Stadium neste sábado com um golaço.

Rápido e habilidoso, James cortou para o meio e acertou, do bico da área pela esquerda, um lindo e potente chute no ângulo para abrir o marcador aos nove minutos de jogo. Os visitantes estiveram melhores na primeira etapa, mas não ampliaram.

Na etapa final, o cenário mudou e os donos da casa equilibraram as ações. Aos 13 minutos, Danso ficou com a sobra após boa defesa do goleiro De Gea e alçou para Vestergaard completar de cabeça e empatar a partida.

A partir dos 28 minutos, o United ficou com um jogador a mais depois que Danso recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso. Mesmo com a superioridade numérica, o time de Manchester teve dificuldades e não conseguiu superar o bloqueio defensivo do adversário.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.