Srefano Nicoli/AP
Srefano Nicoli/AP

Manchester United oficializa a contratação do jovem Amad Diallo junto à Atalanta

Atacante marfinense de apenas 18 anos se junta ao time inglês e assina contrato até 2025

Redação, Estadão Conteúdo

07 de janeiro de 2021 | 16h15

A janela de transferências na Europa abriu neste mês e uma das novidades na verdade já havia sido noticiada em outubro de 2020. Trata-se do atacante Amad Diallo, de apenas 18 anos, que a partir desta quinta-feira é reforço definitivo do Manchester United, em acordo com a Atalanta. Os dois clubes chegaram ao acordo há três meses, mas este só pôde ser concretizado com a chegada de 2021.

A chegada do promissor jogador é um tanto curiosa pelo fato dele ter despertado o interesse do clube inglês de forma tão rápida. Afinal, quando a proposta foi aceita, na primeira semana de outubro do ano passado, ele tinha jogado apenas 25 minutos pela Atalanta no Campeonato Italiano.

Diallo chega ao Manchester United com um vínculo até 2025, com a opção de renovação para mais uma temporada seguinte. O marfinense receberá 21 milhões de euros, cerca de R$ 139 milhões na cotação atual. Além disso, terá premiações de 20 milhões de euros (aproximadamente R$ 132 milhões) no caso de cumprimento de metas.

O time inglês confirmou os termos do acordo e que sua inscrição será feita através de visto que, uma vez emitido, permitirá ao jovem atacante viajar para Manchester e juntar-se ao elenco comandado pelo técnico norueguês Ole Gunnar Solskjaer.

"Após esperar durante o verão, é finalmente um sonho que se torna realidade completar minha contratação pelo Manchester United", declarou Diallo. "Este é um elenco realmente empolgante, com tantos jogadores incríveis. Eu prometo que vou trabalhar duro todos os dias para aprender com eles e dar tudo para desenvolver meu jogo".

Desde a sua estreia diante da Udinese, em 2019, Diallo teve cinco participações pela Atalanta, incluindo duas nesta temporada, tendo marcado um gol.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.