Olly Greenwood/AFP
Olly Greenwood/AFP

Manchester United quebra invencibilidade do Watford e vence 2ª seguida no Inglês

Com triunfo, pressionado José Mourinho respira no cargo e vê equipe subir para a oitava colocação na tabela

Estadão Conteúdo

15 Setembro 2018 | 15h58

Em jogo equilibrado e definido com jogadas de bola parada, o Manchester United derrotou o Watford neste sábado por 2 a 1, no estádio Vicarage Road, amenizou a crise, subiu na tabela e derrubou a surpreendente invencibilidade do rival no Campeonato Inglês.

O United, com o segundo triunfo seguido, subiu para a oitava posição, agora com nove pontos, três a menos que o Watford, que é o quarto colocado. A posição do Watford na parte de cima da tabela foi conquistada com quatro triunfos nos quatro primeiros jogos da competição.

Pressionado, o técnico José Mourinho respira no cargo antes da estreia da equipe na Liga dos Campeões. A primeira partida do time inglês na principal competição de clubes do planeta será contra o Young Boys, da Suíça, na próxima quarta-feira. Os ingleses integram o Grupo H, que também conta com Juventus, da Itália, e Valencia, da Espanha.

O duelo foi definido a favor do United com duas jogadas originadas de bolas paradas. No primeiro gol, Lukaku usou a barriga para escorar cruzamento da esquerda e abrir o placar aos 35 minutos da etapa inicial. O centroavante belga marcou seu quarto gol em cinco jogos na competição e desponta novamente com um dos candidatos à artilharia.

Três minutos depois, em escanteio da esquerda, Fellaini ajeitou para Smalling, que, dentro da pequena área, dominou no peito e finalizou de esquerda, no alto, para ampliar o placar e deixar o time de Mourinho com certo conforto na partida.

No segundo tempo, o Watford voltou com outra postura. Em desvantagem, passou a atacar o rival de Manchester, mas só aproveitou uma das oportunidades. Andrey Gray apareceu na entrada da área para completar bonita trama e diminuir o placar aos 20 minutos.

No final da partida, o time de Mourinho teve mais um jogador expulso. Se Rashford se envolveu em confusão no último jogo contra o Burnley e deixou a equipe com um a menos, neste sábado foi o volante Matic que levou dois amarelos, o segundo após falta dura já nos acréscimos, e desceu para o vestiário mais cedo.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.