Manchester United vence de virada e dispara na liderança do Inglês

Equipe de Alex Ferguson agora soma na competição 51 pontos - cinco a mais que o vice-líder Arsenal

AE, Agência Estado

25 de janeiro de 2011 | 19h57

SÃO PAULO - O Manchester United teve muito trabalho nesta terça-feira, mas conseguiu ganhar de virada do Blackpool, por 3 a 2, mesmo jogando fora de casa. A partida era válida pela 16ª rodada do Campeonato Inglês e deveria ter sido disputada em dezembro, mas foi adiada por causa da neve.

Com a difícil vitória fora de casa, o time do técnico Alex Ferguson manteve a invencibilidade na competição e abriu vantagem na liderança do campeonato, agora com 51 pontos - cinco a mais que o vice-líder Arsenal. Já o Blackpool se manteve na 12ª posição, com 28 pontos.

O Manchester United começou melhor a partida e teve algumas oportunidades de gol, mas acabou castigado aos 14 minutos. Após uma cobrança de escanteio, Cathcart subiu mais do que a zaga adversária e abriu o placar para o Blackpool, para delírio da torcida local.

Depois do gol, a equipe da casa passou a ficar mais com a bola e perdeu algumas chances, mas aproveitou-se de nova falha da zaga do Manchester United para ampliar. Após outra cobrança de escanteio, Campbell cabeceou sozinho para fazer 2 a 0 aos 43 minutos.

No segundo tempo, os dois times perderam diversas oportunidades, até que o líder do campeonato empatou em duas belas jogadas. Aos 26 minutos, Nani deu lindo passe para Fletcher, que cruzou para Berbatov diminuir. Apenas três minutos depois, o veterano Giggs deu ótimo lançamento para o mexicano Chicharito Hernández, que empatou.

O jogo, que era muito movimentado, ficou mais lento após o empate. As duas equipes não chegavam com a mesma força ao ataque e o resultado parecia que se manteria. Até que, aos 42 minutos, Berbatov marcou seu 19º gol no Campeonato Inglês - ele é o artilheiro da competição - e virou a partida para o Manchester United, dando números finais ao confronto.

A nota triste da partida ficou por conta do lateral-direito brasileiro Rafael. Ele sofreu uma pancada na cabeça em dividida pelo alto e precisou ser retirado de maca do gramado. Após muito tempo de paralisação, ele foi substituído por outro jogador do Brasil, o volante Anderson.

No outro jogo desta terça-feira no Campeonato Inglês, o Wigan foi derrotado em casa pelo Aston Villa, por 2 a 1, e permaneceu na zona do rebaixamento - está na 18ª colocação, com 22 pontos. Já o Aston Villa chegou a 28 pontos e subiu para o 13º lugar.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.