Divulgação/ Manchester United
Divulgação/ Manchester United

Manchester United vence fora e se aproxima dos líderes do Inglês

Equipe derrota o Burnley por 2 a 0 e garante a quinta colocação da tabela

Redação, Estadao Conteudo

28 de dezembro de 2019 | 19h12

O Manchester United voltou a sonhar no Campeonato Inglês. Após uma série de tropeços, o time emplacou a segunda vitória consecutiva, neste sábado, e se reaproximou dos líderes da tabela. O triunfo foi conquistado sobre o Burnley por 2 a 0, fora de casa, pela 20ª rodada, que será completada neste domingo.

O resultado deixou o Manchester United na provisória quinta colocação da tabela, com 31 pontos, na beira da zona de classificação para a próxima edição da Liga dos Campeões. Mas pode perder posições no decorrer da rodada, neste domingo. Já o Burnley figura no 13º lugar, com 24 pontos.

Com os brasileiros Fred e Andreas Pereira entre os titulares, o United controlou a partida do início ao fim, mas não conseguiu expressar no placar o domínio exibido. No primeiro tempo, por exemplo, só balançou as redes aos 43 minutos. Martial recebeu belo lançamento pelo meio, invadiu a área e bateu na saída do goleiro Nick Pope.

A vantagem no marcador deixou o time de Manchester mais tranquilo em campo. Porém, sem deixar de atacar. No começo do segundo tempo, quase chegou ao segundo gol, novamente com Martial. O atacante, contudo, teve o gol anulado por fazer falta no marcador dentro da área.

O segundo gol acabou saindo somente nos acréscimos. Aos 49 minutos do segundo tempo, Rashford disparou pelo meio e recebeu grande lançamento. Ao invadir a área, quase parou no goleiro, mas se recuperou rapidamente a tempo de completar para as redes de carrinho.

O Manchester United volta a campo logo no primeiro dia de 2020. Fora de casa, vai fazer o clássico com o Arsenal, no Emirates Stadium, em Londres. Em má fase, o rival ocupa apenas o 12º lugar na tabela.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.