Mancini cobra alegria de Balotelli em comemorações

Mario Balotelli não consegue ter descanso no Manchester City. Mesmo depois de marcar três gols na goleada sobre o Aston Villa por 4 a 0, na terça-feira, o atacante italiano foi cobrado pelo técnico Roberto Mancini.

AE, Agência Estado

29 de dezembro de 2010 | 11h41

Apesar de exaltar a boa atuação de seu compatriota, o treinador italiano pediu mais alegria de Balotelli nas comemorações - na goleada de terça, ele quase não sorriu ao fazer os seus três gols.

"Às vezes, eu gostaria de bater nele", brincou Mancini. "Quando você marca três gols no Campeonato Inglês, você precisa comemorar. Depois do primeiro gol ele celebrou - por um segundo, apenas. Ao menos, ele sorriu".

O treinador, no entanto, acrescentou que Balotelli ainda tem tempo para aprender. "Nossos torcedores amam Mario, eles amam qualquer jogador. Mario precisa entender isto. Todo dia eu luto com ele, mas ainda é jovem", ponderou Mancini, lembrando que o seu polêmico atacante tem apenas 20 anos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.