Mancini definirá time que enfrenta o CSA nesta terça

Ele deve poupar alguns jogadores da partida de quarta-feira visando a final do Paulistão contra o Corinthians

Sanches Filho, Agencia Estado

20 de abril de 2009 | 21h06

O técnico Vágner Mancini compareceu nesta segunda-feira à homenagem que o Santos prestou ao presidente de honra da Fifa, João Havelange, mas evitou conversar com os jornalistas e disse que estava proibido de dar entrevistas. "Amanhã (terça) eu falo com vocês", prometeu o treinador. Após o treino desta terça à tarde, ele anunciará quais jogadores serão poupados do jogo contra o CSA, nesta quarta-feira, na Vila Belmiro, pela Copa do Brasil.

Veja também:

tabela Copa do Brasil - Calendário / Resultados

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

Como o resultado do jogo de ida, em Maceió, foi o empate por 0 a 0, para passar às oitavas-de-final o Santos precisa buscar a vitória. Apenas a igualdade sem gols leva a decisão para os pênaltis, sendo que qualquer outro empate elimina a equipe santista.

Depois da classificação à final do Paulista com a segunda vitória seguida sobre o Palmeiras, sábado, no Palestra Itália, os jogadores santistas foram liberados, só voltando ao trabalho na tarde desta segunda. Dos titulares, apenas Fábio Costa treinou em campo. Os demais jogadores que atuaram no sábado fizeram hidroginástica e exercícios regenerativos.

CONFIANÇA PARA A DECISÃO

Para o zagueiro Fabiano Eller foi importante o Santos conseguir manter o seu mando na final do Campeonato Paulista para a Vila Belmiro. "O ideal seria a gente fazer o segundo jogo na Vila Belmiro, mas o que importa é que teremos a chance de reverter a vantagem no domingo."

Ele acha que Ronaldo poderá fazer a diferença na decisão e não acredita que o centroavante irá entrar em provocação e receber o terceiro cartão, ficando de fora da segunda partida. "Seria bom que ele tomasse, mas como sabe que a decisão terá o segundo jogo não vai cair em provação. Além disso, Ronaldo é um jogador tranquilo, que não cria confusão. São as pessoas que criam confusão com ele", finalizou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.