Rafa Alcaide/EFE
Rafa Alcaide/EFE

Manduzkic vai desfalcar o Atlético de Madrid após ter lesão agravada

Segundo Simeone, jogador vinha atuando com dores há dez jogos

Estadão Conteúdo

06 de abril de 2015 | 15h53

O Atlético de Madrid não poderá contar com o atacante Mario Manduzkic na partida contra a Real Sociedad, nesta terça-feira, pelo Campeonato Espanhol. O técnico Diego Simeone explicou nesta segunda-feira que o jogador croata vinha atuando com uma lesão no tornozelo há mais de dez partidas e agora precisará de um tempo para se tratar e voltar a ficar à disposição do treinador, que exaltou a sua dedicação pelo clube.

"Mandzukic para mim é um jogador determinante para nós. Fez 20 gols. Tem tanta nobreza que como fala pouco com vocês, não podem interpretar o que acontece. Há dez partidas, antes do jogo com o Leverkusen, vinha reclamando do tornozelo e sempre se manteve nas partidas", explicou o treinador, revelando como foi a conversa com o jogador no último domingo, quando o atacante croata pediu para se afastar dos jogos para realizar tratamento.

"Me disse: ''A verdade é que estou muito mal do tornozelo. Não estou dando ao time o que o time precisa de mim. E não estou servindo ao time nesses momentos, assim quero me recuperar, quero ficar bem, porque a equipe não pode aceitar dentro do grupo um jogador 70% e não estou nas condições que o time precisa", afirmou Simeone.

A situação de Mandzukic causa preocupação no Atlético de Madrid, pois ele se contundiu às vésperas do início do confronto com o Real Madrid pelas quartas de final da Liga dos Campeões da Europa. O jogo de ida será disputado em 14 de abril no Vicente Calderón.

Em compensação, o Atlético de Madrid deverá ter o reforço do atacante mexicano Raúl Jiménez, que se lesionou na semana passada, quando estava defendendo a seleção do seu país, no duelo com a Real Sociedad, no Vicente Calderón.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.