Jon Super / AP
Jon Super / AP

Liverpool acerta a venda de Sadio Mané para o Bayern por R$ 172 milhões, informa imprensa inglesa

Atacante senegalês de 30 anos deve assinar com o clube alemão até 2025; negócio pode facilitar ida de Lewandowski ao Barcelona

Redação, O Estado de S.Paulo

17 de junho de 2022 | 13h22

O Liverpool acertou a venda do atacante Sadio Mané ao Bayern de Munique nesta sexta-feira, 17. De acordo com o canal inglês Sky Sports, o astro senegalês de 30 anos vai assinar com o clube alemão até 2025, em uma transação no valor de 32 milhões de euros (R$ 172 milhões). Caso o atleta cumpra metas estipuladas no contrato, o montante pode render ainda mais oito milhões de euros (R$ 43 mihões) aos ingleses. 

A saída de Mané do Liverpool é ventilada desde a reta final da temporada europeia. Os ingleses estavam fazendo jogo duro e chegaram a rejeitar duas propostas do Bayern. A primeira, no valor de 27 milhões de euros (R$ 145,2 milhões), foi classificada como "piada" pela diretoria dos Reds. No entanto, a vontade do jogador falou mais alto. Segundo a Sky Sports, o camisa 10 pediu pessoalmente e "de forma respeitosa" para que o clube aceitasse a oferta e o deixasse ir. 

A transferência coincide com a chegada do atacante uruguaio Darwin Núñez. O time do técnico Jürgen Klopp oficializou a contratação do jogador de 22 anos junto ao Benfica na terça-feira, por 75 milhões de euros (cerca de R$ 400 milhões). O artilheiro do último Campeonato Português, com 26 gols, vai brigar diretamente por uma vaga entre os titulares com o brasileiro Roberto Firmino. 

O negócio também interessa ao Barcelona. Isso porque o polonês Robert Lewandowski já disse publicamente que deseja deixar o Bayern para vestir a camisa do clube catalão a partir de julho. O acerto com Mané deve abrir caminho para uma saída amigável do atual melhor jogador do mundo à Espanha. 

Mané chegou ao Liverpool em 2016 após boas atuações com a camisa do Southampton, também da Inglaterra. A dupla de sucesso formada com o egípcio Mohamed Salah ajudou a consolidar o senegalês como uma das novas estrelas do futebol mundial, recebendo até mesmo o voto de Messi para o prêmio The Best, da Fifa, em 2019. Pelo Liverpool, foram 269 jogos e 120 gols marcados, conquistando o Campeonato Inglês (2019/20) e a Liga dos Campeões (2018/19). 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.