Mano admite que ansiedade atrapalhou o time corintiano

Treinador cita o baixo desempenho do meia Jadson

Vítor Marques, O Estado de S. Paulo

18 de maio de 2014 | 20h13

SÃO PAULO - O técnico Mano Menezes admitiu que a ansiedade de jogar no novo estádio atrapalhou o time do Corinthians, sobretudo no primeiro tempo, na derrota por 1 a 0 para o Figueirense, neste domingo à tarde. "Naturalmente iríamos sentir, mas depois que sofremos o gol, nossa equipe se soltou mais, passou a atuar com mais naturalidade."

O técnico negou que algum momento qualquer jogador do Corinthians tenha desmerecido o Figueirense, dando a "vitória como certa" porque o time catarinense era o de pior campanha do Campeonato Brasileiro até então.

"Isso quem achou (adversário ideal) foi a imprensa. Não foi ninguém do Corinthians. Mas no futebol o fato é menos importante que a versão e você joga a versão no vestiário. Isso motivou o Figueirense, mas não foi determinante no resultado."

De qualquer maneira, Guto Ferreira afirmou que colheu reportagens de sites e as mostrou aos jogadores do Figueirense durante a semana e antes da partida. "Quem está na Série A merece respeito, e essas foram as ferramentas que usamos."

Mano Menezes, contudo, preferiu justificar a derrota citando os defeitos que seu time apresentou diante de um rival, que, segundo ele, se defendeu bem. "Nossos meias, o Renato Augusto e o Jadson, tiveram dificuldade por causa da marcação forte, eles foram buscar a bola muito atrás e isto não resolve. Tinha de ser na costa dos volantes. Além disso, tivemos poucas jogadas individuais."

Para Mano, Jadson não foi o "Jadson de sempre". "Ele esteve um pouco abaixo, mas a equipe como um todo esteve abaixo, não quero individualizar ninguém."

Apesar da derrota, o técnico deu a entender que vai manter o esquema tático com dois meias para o próximo jogo, quarta-feira, contra o Atlético Paranaense, no Canindé. "Não pode desistir por causa de um jogo só, é preciso aprimorar a ideia."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.