Mano admite que Corinthians ainda não rendeu o esperado

Após vitória sobre o Botafogo-SP, técnico afirma que não esperava tantas lesões no início da temporada

Redação,

29 de janeiro de 2009 | 00h47

SÃO PAULO - O Corinthians foi o primeiro grande clube do futebol brasileiro a iniciar a pré-temporada, em dezembro do ano passado. No entanto, nesta quarta-feira, após a vitória por 2 a 0 sobre o Botafogo-SP no Pacaembu pelo Paulistão 2009, o próprio técnico Mano Menezes admitiu que, até agora, a preparação antecipada não surtiu o efeito desejado. Veja também:Sem jogar bem, Corinthians bate o Botafogo-SP por 2 a 0 Ouça os gols no Território Eldorado Paulistão 2009 - Tabela e classificaçãoConfira as novidades do mercado do futebol Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão "Não posso esconder que o nosso início está sendo mais instável em termos de formação do que eu queria. Perdemos alguns jogadores importantes e isso quebrou o nosso ritmo ideal", declarou.Não estavam nos planos do treinador as contusões do meia Douglas e do atacante Jorge Henrique. Além disso, Wellington Saci se machucou durante o confronto desta quarta e já é dúvida para a partida diante do Oeste, marcada para sábado no Pacaembu, pela quarta rodada do Campeonato Paulista."Temos agora que seguir por outro caminho e dar oportunidade a outros jogadores, mas isso quebra um pouco o padrão e exige paciência, ainda mais nos jogos em casa, em que o adversário vem sem muita responsabilidade. Mas resultados como o de hoje (quarta) ajudam os atletas a ir adquirindo esta confiança necessária", ressaltou.Sobre a vitória diante do Botafogo-SP, Mano admitiu que o time não foi bem, mas destacou a importância do resultado positivo. "Ano passado a gente sofria em jogos assim e não vencia, e hoje nos sofremos e vencemos. Pontos corridos é assim mesmo, terão partidas em que não vamos ser brilhantes, é normal", assinalou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.