Washington Alves/Cruzeiro/Lightpress
Washington Alves/Cruzeiro/Lightpress

Mano atende torcida e testa Murilo Cerqueira na vaga de Caicedo no Cruzeiro

Na tentativa de reabilitar o setor defensivo da equipe, técnico promove mudança na zaga cruzeirense

Estadao Conteudo

06 de julho de 2017 | 19h58

O técnico Mano Menezes decidiu atender a torcida do Cruzeiro no treino desta quinta-feira. Após dois protestos, na esteira da derrota no clássico de domingo, o treinador sacou o criticado Kunty Caicedo, principal alvo dos protestos, e testou Murilo Cerqueira na zaga cruzeirense, em preparação para o jogo contra o Palmeiras, domingo, no Mineirão, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Mano testou a zaga com Murilo ao lado de Leo na tentativa de reabilitar o setor defensivo da equipe, criticada pelos gols que vem sofrendo nas últimas partidas, no Brasileirão e na Copa do Brasil. Foram dez gols em apenas cinco jogos. Em outra mudança, o treinador precisou improvisar na lateral-direita.

Ezequiel, dono da posição titular, foi novamente poupado da atividade, em razão do desgaste muscular. Em sua posição, Mano colocou o volante Lucas Romero. Por consequência, deu chance a Henrique para atuar no meio-campo, na vaga de Romero, formando trio com Ariel Cabral e Hudson.

No decorrer da atividade, o treinador sacou Hudson e deu oportunidade a Sassá, alterando a formação da equipe. Rafael Sóbis, então, passou a jogar mais recuado no coletivo, atuando no meio-campo. O time titular atuou durante a maior parte do coletivo com Fábio; Lucas Romero, Leo, Murilo Cerqueira e Diogo Barbosa; Henrique, Hudson, Ariel Cabral e Thiago Neves; Alisson e Rafael Sóbis.

Os titulares venceram os reservas na atividade, mas voltaram a sofrer gols. O placar foi de 5 a 4, com três gols de Ramón Ábila, maior destaque da equipe reserva.

As atuações recentes da defesa cruzeirense irritaram a torcida, que fez dois protestos diante da sede do clube nos últimos dias. O time vem de derrota por 3 a 1 para o Atlético-MG, no domingo. Antes, empatou com o Palmeiras por 3 a 3, pela Copa do Brasil, após abrir 3 a 0 no placar.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCruzeiroMano Menezes

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.