Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians
Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

Mano define time da estreia do Corinthians e deixa Pato no banco

Equipe será a mesma que venceu o Red Bull em jogo-treino, com Romarinho, Guerrero e Danilo

Vítor Marques, Agência Estado

17 de janeiro de 2014 | 20h05

SÃO PAULO - O técnico Mano Menezes já confirmou a escalação do Corinthians para enfrentar a Portuguesa na estreia no Campeonato Paulista, neste domingo, às 17 horas, no Canindé. Ele vai repetir a equipe que venceu o Red Bull por 2 a 0 em jogo-treino na última quarta-feira. Assim, o time que enfrenta a Portuguesa terá a seguinte formação: Walter; Edenílson, Gil, Paulo André e Uendel; Ralf, Guilherme e Rodriguinho; Romarinho, Guerrero e Danilo.

"Para essa formação inicial, essa é a melhor", disse Mano, que explicou a ausência do atacante Alexandre Pato entre os titulares. "Muita coisa se falou sobre o Pato. Algumas delas vão se confirmar e outras não. Precisava fazer uma escolha inicial. Disse que ia mudar a forma da equipe atuar."

Mano também elogiou o atacante Guerrero, autor dos dois gols na vitória sobre o Red Bull. "Ele tem por característica a definição, e a bola chegou nele, mas ainda é muito cedo, vamos com calma", avisou.

O treinador disse que está buscando alternativas ao sistema tático que o Corinthians vinha jogando no ano passado, ainda sob o comando de Tite. A principal preocupação é fazer com que o ataque volte a funcionar, algo que não aconteceu em grande parte da temporada 2013.

DE SAÍDA 

O novo diretor de futebol do Corinthians, Ronaldo Ximenes, confirmou nesta sexta-feira que o meia Ramirez será negociado. Dois clubes têm interesse no jogador: Vasco e Sport. O peruano disse aos cartolas corintianos que vai pensar neste fim de semana e ficou de dar sua posição sobre o assunto na segunda.

Ainda segundo Ronaldo Ximenes, a Udinese vai oficializar até segunda-feira a proposta para levar o lateral-direito Edenílson.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.