Mano diz que continuará com seu estilo 'retranqueiro'

No jogo de número 1.500 da história do Corinthians no Pacaembu, o time paulista goleou o ABC por 4 a 0 e manteve a liderança isolada na Série B do Brasileiro. Além disso, o clube corintiano atingiu a marca de 100 gols na temporada, em que já disputou 53 jogos. Veja também: Corinthians vence o ABC em jogo 1.500 no Pacaembu  Dê seu palpite no Bolão Vip do LimãoO feito serviu de motivo para o técnico Mano Menezes ironizar as críticas de quem o chama de retranqueiro. "Vou continuar com meu sistema retrancado, bem fechadinho, porque eta retranca boa, né?", afirmou Mano Menezes, após mais uma goleada na Série B. "Lá atrás, no começo do nosso trabalho, eu disse que a primeira preocupação seria a segurança. Porque não adianta fazer 100 gols e tomar a mesma proporção", afirmou o técnico do Corinthians, que sofreu 42 gols em 53 partidas disputadas neste ano, entre Paulistão, Copa do Brasil e Série B.Apesar de toda a facilidade que o time tem encontrado na segunda divisão do Campeonato Brasileiro, Mano ainda não quer falar sobre quantos pontos faltam para a volta à elite. "O mais importante eram os três pontos hoje (sábado). E agora o mais importante são os três pontos de Fortaleza (no próximo jogo, dia 6 de setembro)", explicou o treinador.Na partida contra o Fortaleza, porém, Mano Menezes terá problemas para escalar a equipe. O volante Nilton foi expulso no jogo contra o ABC e o atacante Herrera cumprirá suspensão automática porque recebeu o terceiro cartão amarelo neste sábado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.