Vinnicius Silva / Cruzeiro
Vinnicius Silva / Cruzeiro

Mano elogia maturidade do Cruzeiro em triunfo de virada na Copa do Brasil

Técnico exalta Henrique, capitão do time, que fez o gol de empate

Estadão Conteúdo

17 Maio 2018 | 10h22

O técnico Mano Menezes celebrou a vantagem conquistada pelo Cruzeiro no jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil ao superar o Atlético Paranaense por 2 a 1, na Arena da Baixada, na noite de quarta-feira, e garantiu ter aprovado o desempenho da sua equipe.

+ Confirmado na 'lista de espera' de Tite, Dedé celebra superação no Cruzeiro

Embora tenha apontado que o Cruzeiro falhou ao desperdiçar chance de gols no primeiro tempo, Mano exaltou a maturidade do time na etapa final, em que iniciou em desvantagem, mas teve a tranquilidade para assegurar a classificação, ficando em situação confortável para passar de fase.

"Tivemos o controle do jogo em diversos momentos. A equipe teve postura e qualidade. Perdeu dois gols que não pode perder no primeiro tempo e que fazem falta em jogos assim. No segundo, teve a competência em não se apavorar. É preciso saber jogar esse tipo de jogo e tivemos méritos. Uma vitória importantíssima, que é apenas um primeiro passo. Mas que me deixa muito contente pelo que vi o Cruzeiro apresentar como equipe", destacou o treinador.

A virada do Cruzeiro começou a ser construída com o gol de Henrique em finalização de fora da área aos 34 minutos do segundo tempo, empatando o duelo com o Atlético-PR, em gol marcado no dia do aniversário de 33 anos do capitão do time. Mano revelou que tem cobrado os jogadores para que chutem mais de longe e apontou que os atletas estão mais confiantes para fazê-lo.

"Henrique no dia do seu aniversário nos deu um presente. Faz parte da trajetória dele gols de média distância e de importância. Até tenho cobrado esses chutes dos jogadores. A equipe está mais confiante, os resultados fizeram isso. A confiança tem feito com que os volantes cheguem mais à frente. Isso faz com que a cada jogo a gente possa produzir mais", analisou.

Só precisando de um empate para passar de fase, o Cruzeiro voltará a jogar pela Copa do Brasil apenas em 16 de julho, no Mineirão, diante do Atlético-PR. No próximo sábado, o time vai visitar o Atlético Mineiro, no Independência, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.