Mano espera que volta de Ronaldinho ao Brasil inspire jogador

O técnico da seleção brasileira, Mano Menezes, espera que a chegada de Ronaldinho Gaúcho ao país traga de volta o futebol que encantou o mundo e o fez ser eleito pela Fifa o melhor jogador do planeta em 2004 e 2005.

REUTERS

11 de janeiro de 2011 | 22h35

O Flamengo anunciou na noite de segunda-feira a contratação do ex-jogador do Milan pelos próximos quatro anos. Campeão do mundo em 2002 com a seleção brasileira e também presente ao Mundial de 2006, ele acabou de fora da equipe que disputou a Copa do Mundo da África do Sul em 2010 devido à queda de rendimento.

"A volta de grandes jogadores ao futebol brasileiro é benéfica para o futebol brasileiro em relação aos clubes e pela proximidade com a seleção brasileira", disse o técnico a jornalistas na terça-feira, na Granja Comary, em Teresópolis.

O treinador acredita que a volta de Ronaldinho ao Brasil poderá devolver a inspiração ao jogador que viveu altos e baixos nos últimos anos na Europa.

Mano lembrou a volta do atacante Robinho ao país em 2010, quando trocou o futebol inglês pelo Santos, clube que o revelou.

"Quem sabe mudando de ares, como já aconteceu com o Robinho, ele pode recuperar muito da condição e o nível que apresentou a nós todos", disse.

Coube a Mano, que assumiu a seleção brasileira após o mundial, dar uma nova chance a Ronaldinho, convocado no ano passado para um amistoso contra a Argentina, no qual o Brasil perdeu por 1 a 0.

"Certamente, com ele aqui você pode observar mais e acompanhar mais de perto", acrescentou.

(Por Rodrigo Viga Gaier)

Tudo o que sabemos sobre:
FUTMANORONALDINHO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.