Mano festeja vitória do Cruzeiro sobre rival na luta contra o rebaixamento

Com o Cruzeiro pressionado pelo risco de rebaixamento no Campeonato Brasileiro, o técnico Mano Menezes destacou o peso da vitória por 2 a 0 sobre o Coritiba, em duelo válido pela 28ª rodada, afinal, foi obtida diante de um adversário direto na luta contra o descenso e permitiu ao time abrir uma vantagem mais confortável para os últimos quatro colocados.

Estadão Conteúdo

28 de setembro de 2015 | 09h17

"É ótimo falar sobre vitória e essa teve um sabor especial para nós, porque a tabela ajudou muito desta vez e seria frustrante se não tivéssemos aproveitado a oportunidade diante do nosso adversário direto. Fizemos um bom primeiro tempo em termo de controle de jogo e da nossa proposta de jogo", avaliou.

O triunfo, porém, não foi obtido sem sofrimento, pois o zagueiro Paulo André foi expulso no fim do primeiro tempo. Mas Mano aprovou o desempenho defensivo do Cruzeiro a partir do momento em que ficou com apenas dez jogadores em campo, dando poucos espaços para o adversário.

"A expulsão criou novamente o fato de termos que jogar com um a menos por muito tempo. Com isso, o adversário passou a ficar com a bola, mas, mais uma vez, os jogadores foram brilhantes taticamente, porque proporcionaram quase nenhum espaço para o adversário. O comportamento e a entrega deles têm me deixado contente e acredito que o torcedor também esteja vendo isso. A vitória foi brilhante", disse.

Com a vitória, o Cruzeiro chegou aos 36 pontos, em 13º lugar, no Brasileirão, com cinco a mais do que o primeiro time dentro da zona de rebaixamento. O próximo compromisso do time será no domingo, em casa, diante do Grêmio.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.