Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians
Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Mano Menezes celebra 'momento especial' em treino na Arena Corinthians

Técnico quer aproximar o jogadores do ambiente e do gramado da nova casa

Vítor Marques, Agência Estado

14 de março de 2014 | 20h33

SÃO PAULO - O treino que o Corinthians fará neste sábado no Itaquerão será apenas a primeira de uma série de atividades que já estão programadas antes da inauguração do estádio. O técnico Mano Menezes quer aproximar o jogadores do clima, do ambiente e, principalmente, do gramado da nova casa corintiana. "Precisamos estar familiarizados. Sábado, será um momento especial, porque será o primeiro (treino) e esperamos iniciar uma fase longa, muito feliz no novo estádio", afirmou Mano.

Segundo Andrés Sanchez, ex-presidente do Corinthians, que é o responsável pela obra do estádio, devem ser realizados até oito jogos no Itaquerão até a Copa do Mundo. A previsão corintiana é de que a inauguração aconteça dentro de um mês.

Para justificar a necessidade de adaptação, Mano citou os problemas que o Grêmio teve ao começar a jogar na sua nova arena, inaugurada no início de 2013. "O Luxemburgo (técnico gremista à época) citou muito das dificuldades do estádio, isto influencia muito e temos de estar preparados porque logo seremos nós que estaremos lá (Itaquerão)", avisou.

O treino deste sábado começa às 9 horas e deve durar cerca de duas horas. Não será nenhum treinamento sério, capaz de definir o time. A ideia é que os jogadores disputem um rachão. Mesmo assim, o Corinthians trata o "evento" como um dia histórico. Segundo o clube, 115 jornalistas estão credenciados para cobrir o treino, alguns deles de veículos estrangeiros, porque trata-se do estádio que vai sediar a abertura da Copa do Mundo, com o jogo entre Brasil e Croácia no dia 12 de junho.

O Corinthians reforçou, em seu site, um pedido para o que torcedor comum não vá ao estádio. Não será permitida a entrada, porque o Itaquerão ainda está em obras. Por motivos de segurança, a Odebrecht, responsável pela construção, só liberou o acesso para o time e para imprensa - por esse mesmo motivo, também está vetada a entrada de conselheiros do clube.

Os últimos retoques no estádio para o treino foram feitos nesta sexta-feira: o gramado foi demarcado e ganhou traves e redes. Após a atividade, o elenco retorna ao CT Joaquim Grava e já viaja rumo a Penápolis, onde no domingo o time enfrenta o Penapolense, em jogo decisivo pelo Campeonato Paulista.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.