José Patrício/Estadão
José Patrício/Estadão

Mano não confirma time do Corinthians para o clássico

Técnico não quis revelar nem mesmo quem entra no lugar de Jadson, impedido em contrato de pegar o São Paulo

Vitor Marques, Agência Estado

07 de março de 2014 | 18h48

SÃO PAULO - O técnico Mano Menezes optou por não confirmar a escalação do Corinthians para o clássico de domingo contra o São Paulo, mantendo pelo menos duas dúvidas no time. Ele não quis adiantar o substituto do meia Jadson, que não pode jogar por imposição contratual, e disse ainda esperar a recuperação de Romarinho, com dores na coxa esquerda, para definir o ataque.

Como sempre tem acontecido na véspera dos jogos, Mano não liberou a entrada da imprensa no treino realizado na tarde desta sexta-feira no CT Joaquim Grava - os jornalistas puderam acompanhar apenas a parte final, quando os jogadores faziam um trabalho de finalização. Na atividade, o peruano Guerrero trabalhou normalmente e mostrou estar recuperado da lesão sofrida na semana passada no joelho direito, ficando à disposição para o clássico.

A tendência, porém, é que Guerrero fique como opção no banco de reservas, porque Luciano entrou muito bem no ataque e já marcou quatro gols em dois jogos. Mas o peruano tem chance de jogar se Romarinho não se recuperar das dores - ele faz teste no treino deste sábado para saber se tem condições de disputar o clássico. Caso seja vetado pelos médicos, Emerson também pode ficar com essa vaga.

A outra dúvida de Mano é no meio, pois não poderá contar com Jadson, que tem sido o grande destaque do time nos últimos jogos. Como veio do próprio São Paulo, numa troca envolvendo o atacante Alexandre Pato, ele não pode disputar o clássico. Danilo e Renato Augusto são os candidatos para ficar com a sua vaga na escalação corintiana.

Apesar do mistério, Mano avisou que não fará surpresas na escalação. "A ideia é de manutenção, é mais coerente com a equipe que apresentou crescimento. Não vou fazer muitas alterações, será a base da equipe, com no máximo uma ou duas alterações", afirmou o treinador. "Precisa ser coerente com o que o está acontecendo no momento, porque se não vamos viver só de passado e não vamos renovar."

A novidade corintiana para o clássico é o retorno do lateral-esquerdo Fábio Santos, que foi relacionado pela primeira vez na temporada, após se recuperar de contusão. Diante do São Paulo, ele ficará como opção no banco de reservas.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCorinthiansMano Menezes

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.