Vinnicius Silva/Cruzeiro
Vinnicius Silva/Cruzeiro

Mano prepara Jadson para substituir Lucas Silva no meio de campo do Cruzeiro

Volante foi devolvido ao Real Madrid após um período de empréstimo

Redação, Estadão Conteúdo

26 de junho de 2019 | 20h22

Com a saída de Lucas Silva, que retornou para o Real Madrid após período de empréstimo, o volante Jadson está sendo testado pelo técnico Mano Menezes durante a intertemporada do Cruzeiro para formar dupla com o capitão Henrique na sequência do ano, que terá três competições: Campeonato Brasileiro, Copa do Brasil e Copa Libertadores.

"Para mim é importante. É a coroação de um trabalho que eu venho fazendo desde que cheguei aqui. A gente sabe que a disputa por posição no elenco do Cruzeiro é acirrada e os mínimos detalhes decidem quem entra jogando ou não. Fico muito feliz e espero continuar fazendo meu trabalho para colher os frutos daqui até o final do ano", disse o jogador, em entrevista coletiva, nesta quarta-feira.

Contratado no início do ano junto ao Fluminense, o meio-campista, que soma 18 partidas jogadas neste ano, confia no trabalho do treinador cruzeirense. "Confiar no treinador é um passo à frente para você se sentir bem em campo. E nós confiamos no Mano e naquilo que ele propõe. A ideia dele nesse começo de intertemporada é muito boa. A gente espera executar bem para vencermos os próximos jogos", afirmou.

Em caso de assumir a titularidade, o próximo objetivo de Jadson é ter uma sequência maior na equipe. "Me apego muito ao trabalho que eu faço no dia a dia. Procuro me dedicar e evoluir o máximo possível para estar no nível do Cruzeiro. Minha perspectiva é a de ter mais oportunidades e poder corresponder dentro do campo. Espero que ao longo desses próximos meses eu possa estar mais em campo pelo clube".

Após o final da Copa América, o Cruzeiro terá pela frente, além dos jogos do Brasileirão, decisões contra Atlético-MG e River Plate nos mata-matas da Copa do Brasil e da Libertadores. "Em campeonatos como a Copa do Brasil e a Libertadores, que vão se decidir em julho, você está em uma linha em que não se pode errar. Se a gente pensar no lado negativo, que se perdermos pode complicar nosso ano, nós não vamos conseguir desempenhar nosso papel em campo. A gente tem que pensar e trabalhar pelo melhor sempre, que é vencer, independente dos nossos adversários", comentou.

O Cruzeiro volta a campo no dia 11 de julho, no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, para o jogo de ida contra o Atlético-MG, pelas quartas de final da Copa do Brasil. A volta é no dia 17, no estádio Independência. Pelo Brasileirão, o time de Mano Menezes joga no dia 14 contra o Botafogo, em casa, e depois visita o Bahia, no dia 20.

O River Plate será o rival nas oitavas de final da Libertadores. O primeiro duelo é em Buenos Aires, no dia 23, enquanto que o jogo de volta, no estádio do Mineirão, será no dia 30.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.