Mano valoriza empate, mas avalia que Cruzeiro perdeu chance de vencer

Treinador admite, porém, que empate foi justo pelo domínio de cada time em uma etapa

Estadão Conteúdo

21 de julho de 2017 | 10h42

O técnico Mano Menezes valorizou o ponto somado pelo Cruzeiro no empate por 1 a 1 com o Fluminense, na noite de quinta-feira, em Edson Passos, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro. Ao mesmo tempo, porém, o treinador avaliou que o time desperdiçou a chance de garantir a vitória ao não transformar o volume de chances criadas na etapa inicial em mais gols.

"Em um campeonato difícil como o nosso, pontuar é fundamental. Quando não pudermos pontuar três pontos, temos que reconhecer que um ponto também faz parte de campanha. Mas, o primeiro tempo do Cruzeiro deveria nos ter dado uma vantagem maior. Tivemos um controle absoluto do jogo. Tivemos volume, tivemos oportunidades. Precisávamos transformar essa competência de controle do jogo, domínio tático, em uma vantagem numérica no placar, porque o futebol é assim", destacou.

Mano reconheceu, também, que o Cruzeiro foi dominado pelo Fluminense na parte final do duelo, Por isso, avaliou que o placar refletiu o que foi a partida. "Do outro lado tem um grande técnico e uma equipe que não vai aceitar isso durante 90 minutos. O Fluminense depois disso veio diferente, tivemos dificuldade para controlar. Temos que reconhecer que foi um empate justo. Não transformamos nossa superioridade na primeira parte em um placar mais dilatado", disse.

O empate com o Fluminense levou o Cruzeiro aos 22 pontos, em oitavo lugar no Brasileirão. O time voltará a jogar no próximo domingo, quando vai visitar o Avaí, na Ressacada, pela 16ª rodada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.