Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Manoel celebra folga no Cruzeiro antes de jogos decisivos

Zagueiro faz parte do grupo de titulares que terá descanso concedido pelo técnico Mano Menezes

Estadão Conteudo

06 de abril de 2017 | 14h22

Classificado antecipadamente às semifinais do Campeonato Mineiro e com o segundo lugar assegurado, o Cruzeiro vai fazer uma partida de caráter meramente amistoso no próximo domingo, quando receberá o Democrata de Governador Valadares, no Mineirão, pela rodada final da primeira fase. Por isso, o técnico Mano Menezes vai dar um descanso aos titulares, ainda mais que o time terá uma sequência de decisões nas semanas seguintes, como na Copa do Brasil, fato que foi celebrado pelo zagueiro Manoel.


"O Mano conversou com a gente antes do jogo com o Joinville, quando a maioria não jogou. Ele disse que seria uma semana decisiva, e a gente tinha que se concentrar bastante. Seriam jogos muito intensos. A gente entendeu isso e está treinando e descansando porque vai ser um mês decisivo para gente. A gente está ciente que precisa fazer grandes partidas e estar bem concentrados nisso", completou.

Depois do duelo com o Democrata, o Cruzeiro terá pela frente o São Paulo, na próxima quinta-feira, no Morumbi, no jogo de ida da quarta fase - o jogo de volta será no dia 19, no Mineirão. E entre esses dois jogos, o time jogará pelas semifinais do Campeonato Mineiro.

Se o duelo com o Democrata não terá muito peso para a sequência da temporada, o confronto será marcante para Fábio, de volta ao time após quase oito meses afastado por causa de uma grave lesão no joelho. Manoel celebrou o retorno do goleiro ao Cruzeiro.

"Estou muito feliz pela volta dele. Todo mundo está. Fábio é um ídolo do clube, e a gente sabe a dificuldade que ele teve para voltar. Espero que ele volte em alto nível, como sempre foi. Estou muito feliz. Espero que ele possa nos ajudar", disse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.