Walter Bieri/AP- 15/11/2009
Walter Bieri/AP- 15/11/2009

Maradona confirma Argentina com Palermo e Garcé

Com grande poder ofensivo, treinador levará seis atacantes para a disputa do Mundial da África do Sul

AE-AP, Agência Estado

19 Maio 2010 | 17h37

O técnico Diego Maradona anunciou a lista definitiva com 23 jogadores da seleção argentina para a Copa do Mundo da África do Sul, nesta quarta-feira, e confirmou a presença do atacante Martín Palermo, jogador do Boca Juniors de 36 anos que disputará o seu primeiro Mundial.

Outra grande surpresa foi a presença do defensor Ariel Garcé, do Colón. Com 30 anos e apenas três convocações para a seleção argentina, o jogador costumava ser mais lembrado por um caso de doping em 2006, quando foi suspenso por seis meses após ser flagrado com um derivado de cocaína.

Garcé tem função em campo semelhante a de Javier Zanetti, da Inter de Milão, um dos principais jogadores argentinos na década e ignorado na primeira lista de 30 atletas.

Maradona, por sua vez, confirmou na convocação final a presença de astros como Lionel Messi, Carlos Tevez, Gonzalo Higuaín, Diego Milito, Javier Mascherano e Sebastián Verón, além de garantir a permanência de Maxi Rodríguez, meio-campista do Liverpool que estava em baixa na seleção.

A principal baixa entre os sete jogadores cortados foi o atacante Ezequiel Lavezzi, um dos principais destaques do Napoli no Campeonato Italiano. Os outros seis excluídos foram Jesús Dátolo (Olympiakos, Grécia), Fabrício Coloccini (Newcastle, Inglaterra), José Sosa (Estudiantes), Juan Mercier (Argentinos Juniors), Sebastián Blanco (Lanús) e Juan Insaurralde (Newell''s).

LISTA DOS 23 JOGADORES

Goleiros - Sergio Romero (AZ Alkmaar, Holanda), Mariano Andujar (Catania, Itália) e Diego Pozzo (Colón).

Defensores - Nicolás Otamendi (Vélez Sarsfield), Martín Demichelis (Bayern de Munique, Alemanha), Walter Samuel (Inter, Itália), Gabriel Heinze (Olympique, França), Nicolás Burdisso (Roma, Itália), Ariel Garce (Colón) e Clemente Rodríguez (Estudiantes).

Meio-campistas - Jonás Gutiérrez (Newcastle, Inglaterra), Juan Sebastián Verón (Estudiantes), Javier Mascherano (Liverpool, Inglaterra), Angel Di María (Benfica, Portugal), Javier Pastore (Palermo, Itália), Maxi Rodríguez (Liverpool, Inglaterra), Mario Blatti (Fiorentina, Itália).

Atacantes - Lionel Messi (Barcelona, Espanha), Gonzalo Higuaín (Real Madrid, Espanha), Carlos Tevez (Manchester City, Inglaterra), Diego Milito (Inter, Itália), Sergio Agüero (Atlético Madrid, Espanha) e Martín Palermo (Boca Juniors).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.