Maradona na mira do fisco italiano

O mês de junho será movimentado para o ex-jogador argentino Diego Maradona. No dia 9, ele participa da despedida de Ciro Ferrara, em Nápoles. Depois, estando na Itália, deve ter encontro com o fisco italiano, que cobra dívida de não pagamento de impostos entre 1984 e 1991. E no dia 15, joga partida beneficente em Novi, na Croácia, com propósito de arrecadar fundos para um orfanato.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.