Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians
Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

Maratona de cinco jogos em dez dias preocupa Tite no Corinthians

Equipe terá de revezar jogadores para dar conta da sequência

Ciro Campos, O Estado de S. Paulo

16 Março 2015 | 07h00

A proximidade de uma agenda lotada de jogos deixa preocupado o técnico Tite, do Corinthians. Depois enfrentar o Danubio, na terça-feira, pela Libertadores, será a vez de uma sequência de cinco partidas em dez dias e o último compromisso é justamente contra a equipe uruguaia, em partida que será em São Paulo.

No próximo domingo o time enfrenta o Capivariano, fora de casa. Dois dias depois, é a vez de receber a Portuguesa, na terça-feira. Já na quinta, o time volta a campo em casa contra o Penapolense e depois de dois dias, vai atuar fora de casa contra o Bragantino. Mais três dias e novo compromisso: agora com o Danubio.

"As partidas foram remarcadas por conta do nosso confronto pela pré-Libertadores (contra o Once Caldas). Não nos cabe reclamar, são coisas da tabela da Federação (Paulista de Futebol)", afirmou Tite depois do empate sem gols com o Red Bull, no último sábado, pelo Campeonato Paulista.


A tendência é que o time alterne titulares e reservas nessas partidas. Até os goleiros devem participar desse rodízio. A prioridade é ter as principais peças do elenco à disposição para o jogo com o Danubio, no Itaquerão, no dia 1º/4, quando o time poderá garantir a classificação para a próxima fase.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.