Marcelinho diz amanhã onde jogará em 2004

O meia Marcelinho Carioca deve informar amanhã o nome do clube pelo qual atuará em 2004. Vasco e Fluminense já demonstraram interesse. Após passar o dia de hoje resolvendo problemas particulares em São Paulo, o atleta desembarca amanhã no Rio para celebrar o final de ano com a família e dará uma entrevista coletiva onde falará sobre sua conturbada passagem pelo futebol árabe, além do futuro de sua carreira. Marcelinho Carioca retornou ao Brasil, no domingo pela manhã, após ser impedido pelos dirigentes do clube Al-Nassr de deixar a Arábia Saudita. Desde o início de dezembro, o jogador vinha tentando sair do país, mas estava com o seu passaporte confiscado pelos comandantes do clube. Para conseguir sua liberação, Marcelinho Carioca recorreu à Fifa e obteve ganho de causa, mas diante da recusa dos dirigentes árabes em liberá-lo, pediu ajuda ao governo brasileiro. Agora, o jogador vai processar o Al-Nassr por danos morais. O contrato de Marcelinho Carioca com o Al-Nassr tinha duração até maio de 2004. Quatro meses de salários atrasados e a falta de segurança foram os principais motivos que levaram o jogador a querer voltar ao Brasil e rescindir o compromisso contratual.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.