Marcelinho: me dói o coração marcar contra o Corinthians

Atacante de 37 anos afirma que vai voltar a jogar no time e que gostaria de encerrar a carreira no clube

Redação

12 de julho de 2008 | 18h59

Só faltou pedir desculpas. Assim foi a comemoração de Marcelinho Carioca após abrir o placar para o Santo André, diante do Corinthians. "Me dói o coração marcar contra o Corinthians, mas quando a bola rola é preciso ser profissional e fazer melhor possível", comentou o camisa 7 ainda no intervalo.Veja também: Marcelinho marca para o Santo André, e Corinthians só empata Blog Bate-Pronto: Como parar o Corinthians?"Jogar contra o Corinthians é como reencontrar aquela ex-mulher, com quem foi casado por muito tempo. A gente se separa, mas nunca deixou de sentir amor um pelo outro", comentou Marcelinho, ainda na entrada no gramado. Marcelinho passou três vezes pela equipe do Parque São Jorge, entre 1993 e 2006, e costuma dizer que a camisa corintiana é sua segunda pele. Polêmico e com fama de 'marqueteiro', o atacante agradeceu pelos aplausos e o carinho da torcida após o empate por 1 a 1."Fico feliz com o carinho dessa torcida maravilhosa. Eles é que são os meus ídolos" disse Marcelinho, junto à mureta que sapara o gramado e a arquibancada. Vestindo a camisa do Corinthians e ovacionado pela torcida, Marcelinho fez uma promessa. "Em 2010, no centenário do clube, vou estar lá. Eu vou voltar e encerrar minha carreira no time", decretou, emocionado, ao som de "Uh, Marcelinho!"FELIPE EXPLICAO goleiro Felipe explicou o lance do gol do Santo André, que quase transformou Marcelinho em vilão corintiano. "Acho que foi um lance normal. Eu e o Chicão tentamos tirar a bola, a gente acabou se trombando no lance, mas ainda consegui desviar. O Marcelinho estava bem posicionado, foi esperto no lance e marcou." Vale lembrar que este foi o terceiro gol que Marcelinho Carioca marcou contra o Corinthians. Em quatro jogos contra o ex-clube, o 'pé-de-anjo' nunca saiu de campo vencedor.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.