Marcelinho se irrita com nova derrota

A quarta derrota consecutiva do Vasco no Campeonato Brasileiro irritou os meia Marcelinho. O jogador admite que nome não ganha jogo e que a equipe precisar recuperar o rendimento apresentado no Estadual deste ano, quando sagrou-se campeã. "O Vasco é um todo, um conjunto e não se resume a dois ou três jogadores. Veja o exemplo do próprio Cruzeiro", disse Marcelinho, ressaltando que o time mineiro tem estrelas, mas que os atletas mais desconhecidos têm correspondido. O meia Beto, que fez sua estréia com a camisa vascaína, concorda com o companheiro. "O Coritiba e o Criciúma não tem grandes nomes no elenco e estão entre os primeiros colocados", disse. Hoje, o atacante Edmundo se apresentou reclamando de dores musculares. Ele fez tratamento com o médico Fernando Mattar, que vai aguardar até amanhã para dar um parecer sobre a gravidade da contusão.

Agencia Estado,

17 de julho de 2003 | 19h39

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.