Washington Alves/VipComm
Washington Alves/VipComm

Marcelo celebra vantagem 'extraordinária' do Cruzeiro

Técnico acredita que crescimento durante a partida foi fundamental para o triunfo sobre o Inter

AE, Agência Estado

30 de setembro de 2013 | 09h45

NOVO HAMBURGO - A vitória sobre o Internacional por 2 a 1 e os tropeços de Botafogo e Atlético Paranaense na rodada deixaram o Cruzeiro com uma confortável vantagem na liderança do Campeonato Brasileiro, mas o técnico Marcelo Oliveira tentou adotar um discurso cauteloso após o triunfo de domingo em Novo Hamburgo. Mesmo assim, ele reconheceu que a diferença de 11 pontos para o segundo colocado Grêmio é "extraordinária".

"Onze pontos é uma diferença extraordinária, mas futebol não pode facilitar, já que temos muitos jogos pela frente. É celebrar hoje e amanhã mobilizar para o próximo jogo contra a Portuguesa, que será o jogo do ano para nós", afirmou o treinador.

Para Marcelo, a evolução do Cruzeiro durante a partida de domingo foi fundamental para que o triunfo do time sobre o Inter. "Foi um jogo difícil, um pouco amarrado, equilibrado no primeiro tempo. A gente estava com dificuldade de marcar a velocidade do Internacional, que jogava nas costas dos nossos laterais. No segundo tempo nosso time voltou melhor, marcou melhor e teve contra-ataques importantes, podendo ter feito mais gols", analisou.

Com 53 pontos, o Cruzeiro volta a entrar em campo na próxima quarta-feira, quando vai receber a Portuguesa, no Mineirão, em partida válida pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.