Marcelo marca e Real Madrid vence Valladolid

Com Cristiano Ronaldo lesionado e Kaká no banco de reservas, o Real Madrid não teve muitos problemas para superar o Valladolid por 4 a 2, neste sábado, no Santiago Bernabéu. O capitão Raúl marcou duas vezes e foi o grande destaque do confronto, além do brasileiro Marcelo, que fez o gol mais bonito da partida em chute de fora da área.

AE, Agencia Estado

17 de outubro de 2009 | 17h47

O Real Madrid subiu para 18 pontos com a vitória e empatou com o Barcelona, que enfrenta o Valencia neste sábado e pode assumir a primeira colocação isoladamente. Já o Valladolid está em 16.º, com cinco pontos.

Logo aos 13 minutos do primeiro tempo, Raul aproveitou cruzamento de Esteban Granero e abriu o placar. Cinco minutos depois, o meia-atacante novamente demonstrou oportunismo e completou jogada do lateral-esquerdo Marcelo, ampliando para os donos da casa.

A torcida madrilenha se assustou aos 28, quando Nauzet Alemán bateu falta no ângulo e descontou para o Valladolid. Mas nos acréscimos da etapa inicial, Marcelo carregou a bola até a entrada da área e acertou chute forte, sem chances para o goleiro Jacobo.

O Valladolid voltou melhor na etapa final e descontou aos sete minutos, quando o atacante brasileiro Diego Costa deu passe para Marquitos fazer o segundo gol dos visitantes.

Com o adversário melhor em campo, o técnico Manuel Pellegrini colocou Kaká no lugar de Rafael van der Vaart, além de Gonzalo Higuaín no de Benzema. E a dez minutos do fim, o argentino recebeu passe de Xabi Alonso e tocou por cobertura na saída de Jacobo, definindo o marcador.

Em outra partida deste sábado, o La Coruña freou a boa sequência do Sevilla e venceu por 1 a 0, em casa. O gol da vitória foi marcado por Rodríguez, aos 38 do primeiro tempo.

As duas equipes estão empatadas com quinze pontos após o resultado. O Sevilla, no entanto, segue na terceira colocação porque tem quatro gols a mais de saldo, enquanto o La Coruña é o quarto.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.