Marcelo Martelotte elogia Santos em sua despedida como técnico

Treinador comemorou vitória sobre o Colo Colo antes de deixar cargo para Muricy Ramalho

AE, Agência Estado

07 de abril de 2011 | 10h53

A vitória sobre o Colo Colo, na última quarta-feira, marcou a despedida do técnico interino Marcelo Martelotte do comando do Santos, já que agora Muricy Ramalho assumirá o posto. Nos 3 a 2 sobre a equipe chilena, em duelo válido pelo Grupo 5 da Libertadores, o treinador gritou, deu bronca, esbravejou à beira do gramado, mas ficou satisfeito com o desempenho de seus jogadores.

"Eu me sinto satisfeito, feliz pelo resultado. Essa vitória coroou esse mês, que foi difícil, assim como foi essa partida. Ela caracterizou bem esse momento que vivemos juntos. Com essa vitória, eu entendo que de uma maneira geral fizemos um bom trabalho. Quero enaltecer os meninos que ficaram em campo e que lutaram até o fim. Eles foram guerreiros", analisou.

O volante Danilo também demonstrou satisfação com o rendimento da equipe. Mais do que isso, o jogador, que marcou o segundo gol da vitória, ficou muito feliz com o próprio desempenho e chegou a afirmar que pode ter sido sua melhor partida pelo clube.

"Acho que foi minha melhor partida, até pela importância do jogo. Foi um jogo para minha afirmação dentro do Santos. Faço meu trabalho calado, tentando evoluir e acho que deixei uma boa impressão pro Muricy", afirmou.

Na próxima quinta-feira, o Santos tem mais um compromisso importante pela Libertadores. Na terceira colocação do Grupo 5, com cinco pontos, encara o Cerro Porteño, líder, com oito pontos. O time brasileiro não poderá contar com Elano, Neymar e Zé Eduardo, expulsos na última quarta.

"Encaro isso como uma valorização do grupo, dos jogadores que vão entrar e terão uma missão difícil. A gente sabe que pra ganhar Libertadores não bastam 11 jogadores, tem que ter uma equipe e isso o Muricy vai começar a trabalhar. É uma grande perda, mas temos como repor", disse Martelotte. "A gente tem que buscar valorizar o que temos. O grupo todo pode colaborar e nos ajudar na classificação", concordou Danilo.

Veja também:

linkJOGO - Leia como foi Santos 3 x 2 Colo Colo

link'Nos prejudicaram mais uma vez', diz o apagado Ganso

linkMuricy aconselha Ganso a ficar por mais um ano

som ESTADÃO ESPN - No sufoco, Santos vence o Colo Colo, mas perde Elano, Neymar e Zé Eduardo por expulsão

som ESTADÃO ESPN - Martelotte: Mesmo sem craques, Peixe tem condições para sair vitorioso no Paraguai

som ESTADÃO ESPN - "Esse é o tipo de jogo que a gente tem que aprender a jogar", diz Martelotte

blog BATE-PRONTO - E agora, Neymar?

mais imagens FOTOS - Brilho e expulsão de Neymar


Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.