Marcelo Mattos cobra nova arrancada do Botafogo

O volante Marcelo Mattos cobrou nesta quinta-feira uma postura mais incisiva e incansável do time do Botafogo para acabar com a série de nove jogos sem vitória no Campeonato Brasileiro e lutar fortemente por uma das vagas na Copa Libertadores.

AE, Agência Estado

21 de outubro de 2010 | 19h37

"Chegou o momento do Botafogo. É agora ou nunca. Precisamos vencer e subir novamente na tabela. Foi contra o Vitória que iniciamos uma arrancada [cinco vitórias seguidas no primeiro turno] que nos levou ao G-4 e esperamos que isso se repita", disse Mattos, que fez sua estreia com a camisa botafoguense justamente contra os baianos.

Obter a classificação para a Libertadores, competição que o Botafogo não disputa desde 1996, virou obsessão no clube e todos confessam que seria extremamente frustrante não ver o objetivo alcançado.

"Será uma tristeza muito grande se não chegarmos à Libertadores. Terminaremos o ano de cabeça baixa, pois tivemos o gostinho de estar na zona de classificação. É hora de nos concentrarmos ao máximo. Temos oito decisões pela frente", discursou Leandro Guerreiro, um dos mais veteranos do elenco.

ZICO - Ex-diretor de futebol do Flamengo, Zico esteve ontem reunido com o presidente do Botafogo, Maurício Assunção, para negociar a realização de seu tradicional Jogo das Estrelas, iniciativa beneficente, no estádio do Engenhão, no fim do ano. O Maracanã sediou o evento nos últimos anos, mas está fechado para reformas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.