Fabio Castro/Divulgação
Fabio Castro/Divulgação

Marcelo Mattos exalta superação do Botafogo no 1º turno

Segundo jogador, um dos fatores para rendimento da equipe foi a torcida

AE, Agência Estado

10 de setembro de 2013 | 19h44

RIO - O Botafogo foi uma das principais equipes do primeiro turno do Campeonato Brasileiro e conseguiu se manter entre os primeiros colocados ao longo das 19 rodadas. A boa campanha, segundo o volante Marcelo Mattos, é fruto da superação da equipe, que perdeu peças importantes - como Andrezinho, Fellype Gabriel e Vitinho -, conviveu com problemas extracampo e, ainda assim, correspondeu em campo.

"Para não ter queda, já que perdemos jogadores importantes, atribuo ao nosso treinador e à comissão técnica, são vários profissionais trabalhando sem ninguém ver. E ainda temos uma base de muita qualidade. Junta isso tudo com jogadores experientes para dar suporte aos jovens, que podem suprir a necessidade e dar conta do recado. Tivemos dificuldades, mas é nossa profissão e o clube que defendemos, queremos fazer o nosso melhor", disse.

Outro fator apontado por Marcelo Mattos para o sucesso botafoguense é a torcida, que atendeu o pedido dos jogadores e passou a ir em maior número para apoiar a equipe no Maracanã. "É de suma importância. É diferente sair do vestiário e entrar no gramado com o apoio do torcedor. Precisamos muito. Queremos ver estádio cheio para cada vez mais ter força para conseguir os resultados positivos."

É esse apoio que o volante espera ter nesta quarta-feira, quando o Botafogo pega o Corinthians no Maracanã. O time paulista tem 30 pontos, na quinta posição, e é concorrente dos vice-líderes cariocas, que têm 36. Por isso, para Marcelo Mattos, uma vitória é fundamental.

"O Corinthians é uma excelente equipe, que conheço bem. Perdeu dois pontos para o Náutico e vai querer recuperar. Sabemos das dificuldades e que podemos colocar nove pontos à frente de uma equipe que brigará pelas primeiras posições. Essa vitória é muito importante para a gente", disse o jogador.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.