Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Marcelo Oliveira avalia que faltou inspiração para equipe do Cruzeiro

Equipe mineira não saiu do empate com o Criciúma, em Santa Catarina e pode ver os adversários encostarem no líder do torneio

Estadão Conteúdo

10 de agosto de 2014 | 11h25

O técnico Marcelo Oliveira avaliou que faltou inspiração ao Cruzeiro para superar o Criciúma, sábado, fora de casa, em partida válida pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro. Após o segundo empate do time na competição, dessa vez por 0 a 0, o treinador destacou que o resultado poderia ter sido diferente caso o setor ofensivo apresentasse mais criatividade.

"É o nosso segundo jogo consecutivo fora de casa e nós tentamos a vitória a todo custo, com um time mais ofensivo. Ainda assim, não chegamos ao gol adversário como em outras vezes, um pouco pela competência na marcação do Criciúma, que se entrega totalmente, e pela falta de uma inspiração a mais para fazer uma jogada e ganhar o jogo", disse.

Marcelo ressaltou que esperava um duelo complicado diante do Criciúma, especialmente em razão da forte marcação do adversário. "O jogo foi a dificuldade que prevíamos. Falamos antes do jogo e ao longo da semana que o time do Criciúma é bem armado, muito competitivo, marca muito bem. Ensaiaram alguns contra-ataques na partida, principalmente no primeiro tempo quando chegaram uma ou duas vezes. O Cruzeiro tentou jogar, colocar a bola no chão, mas ficou um jogo extremamente de competição, de primeira e segunda bola", analisou.

Com 30 pontos, o Cruzeiro segue na liderança do Campeonato Brasileiro e volta a entrar em campo no próximo domingo, quando vai receber o Santos, no Mineirão, em partida válida pela 15ª rodada.

Notícias relacionadas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.