Daniel Teixeira/AE
Daniel Teixeira/AE

Marcelo Oliveira é demitido do comando do Coritiba

No comando do clube paranaense desde o início de 2011, técnico deixa clube junto com preparador físico e auxiliar

AE, Agência Estado

06 Setembro 2012 | 11h33

A diretoria do Coritiba anunciou nesta quinta-feira a demissão do técnico Marcelo Oliveira. A saída do treinador acontece um dia depois da equipe perder para a Portuguesa por 3 a 0, no Estádio do Canindé, em partida válida pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Marcelo Oliveira estava no comando do Coritiba desde o início de 2011 e conseguiu, nesse período, vários resultados relevantes. Com o treinador, o time foi bicampeão paranaense, além de ter se classificado para as duas últimas finais da Copa do Brasil, em que foi derrotado por Vasco e Palmeiras, respectivamente.

Além de Marcelo Oliveira, o preparador físico Juvenilson de Souza e o auxiliar técnico Cleocir dos Santos deixam o Coritiba. O nome do substituto do treinador não foi definido, mas o novo comandante da equipe terá o desafio de evitar o rebaixamento do clube para a Série B do Campeonato Brasileiro.

De acordo com a nota oficial divulgada pelo Coritiba, a rescisão do contrato foi feita de comum acordo entre Marcelo Oliveira e a diretoria do clube. Apesar do bom desempenho no futebol paranaense e na Copa do Brasil, pesou para a queda do treinador o desempenho ruim do time no Campeonato Brasileiro. A equipe tem a pior defesa do torneio, com 42 gols sofridos.

Com a derrota para a Portuguesa, o Coritiba está com apenas 22 pontos no Campeonato Brasileiro e na 16ª colocação. A equipe paranaense volta a entrar em campo no próximo sábado, quando receberá o Flamengo, às 18h30, no Estádio Couto Pereira, pela 23ª rodada da competição.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.