Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Marcelo Oliveira nega abalo em confiança do Palmeiras na decisão

Técnico diz que o foco é total na partida com o Santos

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

30 de novembro de 2015 | 07h00

O fato do Palmeiras ter perdido por 2 a 0 para o Coritiba neste domingo, no Allianz Parque, e ter vencido apenas um jogo dos últimos dez disputados no Campeonato Brasileiro não vão abalar a confiança da equipe para a decisão da Copa do Brasil contra o Santos. Pelo menos é o que garante o técnico Marcelo Oliveira.

“Neste momento, por mais que seja dolorido vestir a camisa do Palmeiras e perder um jogo, não tira o ânimo que temos de ganhar o título”, disse o treinador, que não escondeu a indiferença com o resultado. “Criamos pouco para que pudéssemos sair lamentando”, explicou.

O treinador ainda negou que a falta de entrosamento tenha sido responsável pela derrota. “Não dá para falar que era o time reserva, porque mesmo com os titulares, a gente não tem conseguido fazer bons jogos”, lembrou Marcelo Oliveira.

No primeiro jogo da decisão, o Palmeiras perdeu na Vila Belmiro por 1 a 0 para o Santos e uma vitória simples leva a decisão para os pênaltis. Se ganhar por dois ou mais gols de vantagem, já fica com o título. “Estamos muito vivos e convictos de que a Copa do Brasil é difícil, mas vamos lutar muito por isso”, assegurou.

O elenco do Palmeiras se reapresenta na tarde desta segunda-feira para dar continuidade a preparação visando a decisão. Nesta segunda e na terça, os treinos serão fechados, sem a presença da imprensa, para que o técnico Marcelo Oliveira possa treinar algumas jogadas e ter maior privacidade com o elenco.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.