Marcelo Ramos promete se redimir na 4ª

Duas chances claras de gol desperdiçadas no sonolento empate por 0 a 0 diante do União Barbarense, no domingo. O atacante Marcelo Ramos reconhece que ficou devendo em sua primeira partida pelo Corinthians. Apesar de chateado, o jogador se mostrou otimista em relação às próximas partidas. Quarta-feira, em João Pessoa, contra o Botafogo da Paraíba, será sua chance de se redimir na estréia dos corintianos na competição mais importante desse primeiro semestre: a Copa do Brasil. O desentrosamento e a falta de ritmo foram as justificativas apontadas para o rendimento aquém do esperado. Marcelo Ramos passou toda a pré-temporada e as duas primeiras rodadas do Campeonato Paulista apreensivo. Problemas em sua documentação, resolvidos apenas na semana passada, o impediam de ser registrado. "Esse período acabou me atrapalhando. Mas a tendência é de que eu adquira entrosamento e ritmo nas próximas partidas", afirmou. Apesar do fraco desempenho com três atacantes, o técnico Juninho Fonseca decidiu que vai manter o esquema. A surpresa pode ser a presença do meia Rodrigo na equipe titular. Após os 30 minutos em que esteve no gramado em Santa Bárbara D?Oeste, o atleta se sentiu bem e disse estar à disposição do treinador. Os jogadores apoiaram a idéia de Juninho. "Criamos as chances e pecamos nas finalizações. Mas isso é questão de ajuste", explicou o atacante Gil, um dos mais contestados pela torcida. De olho - A diretoria do Corinthians está de prontidão, sobretudo o departamento jurídico. Após o anúncio do acerto do meia Ricardinho com o Middlesbrough, da Inglaterra, os advogados corintianos buscam maneira de fazer com que o clube receba algum dinheiro. Quando o atleta deixou o Parque São Jorge para defender o São Paulo, uma cláusula do acordo previa que o Corinthians ficasse com 20% em caso de negociação com o exterior. Acontece que o contrato co o São Paulo foi rescindido. Portanto, até onde se sabe, não houve pagamento para tirá-lo do Morumbi.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.