Marcinho deixa Flamengo e vai para o futebol árabe

O meia Marcinho, um dos artilheiros do Campeonato Brasileiro, deixou o Flamengo. O jogador se transferiu para o Al Jazira, dos Emirados Árabes, e o clube carioca só terá direito a 10% da negociação, já que não detém os direitos econômicos do jogador. Kleber Leite, vice-presidente de futebol do Flamengo, garantiu que o clube fez de tudo para manter o jogador, mas a vontade do jogador pesou. "O Flamengo fez todas as tentativas para manter o Marcinho. Formalizamos uma proposta de compra de 50% do passe dele. Essa proposta foi de classe AA para o futebol brasileiro. Fizemos todos os esforços, mas a vontade do jogador prevaleceu. Ele acha que é uma grande oportunidade. As portas do Flamengo estão abertas para ele", justificou.Já Marcinho disse em sua despedida que pretende voltar a jogar pelo Flamengo. "Primeiro gostaria de agradecer a valorização que o Flamengo me deu. Quero agradecer o carinho que recebi desde o primeiro dia de trabalho aqui na Gávea. Fui muito feliz aqui. Como jogador, preferi aceitar a proposta do Al Jazira, time que o Abel Braga comanda", afirmou. Marcinho é o segundo jogador a deixar o Flamengo no período de transações internacionais. Antes dele, o clube negociou Renato Augusto com o Bayer Leverkusen, da Alemanha.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.