Clayton de Souza/AE - 15/2/2010
Clayton de Souza/AE - 15/2/2010

Márcio Araújo se diz à vontade na lateral do Palmeiras

Volante de origem, jogador fará mais uma vez a nova função diante do Atlético-GO pela Copa do Brasil

AE, Agência Estado

27 de abril de 2010 | 19h04

O volante Márcio Araújo foi contratado, ainda no início do ano, para reforçar o setor de marcação do meio-campo palmeirense. Mas com a saída de Muricy Ramalho e a chegada de Antônio Carlos, o ex-jogador do Atlético-MG ganhou uma nova função na equipe, a de lateral-direito. Já foram cinco jogos atuando desta forma, e Márcio Araújo se diz à vontade na posição.

"É mais fácil jogar pelos lados do campo. No meio-campo o limite de espaço é mais curto e o meio fica congestionado. Mas eu gosto de atuar nas duas posições", afirmou o volante nesta terça-feira, na antevéspera de atuar mais uma vez na lateral, contra o Atlético-GO, no Palestra Itália, pelo confronto de ida das quartas de final da Copa do Brasil.

Mesmo satisfeito em atuar na ala, Márcio Araújo não acredita que seja um curinga no elenco palmeirense. "Não me vejo dessa maneira. Sou um jogador preparado para atuar em mais de uma função e sempre me coloco à disposição do treinador e do grupo para ajudar. Já atuei como lateral no Atlético-MG e não vejo problema em atuar nesta posição", comentou o jogador.

Já para o Campeonato Brasileiro, o volante sabe que terá a concorrência de Vítor, que não pode atuar na Copa do Brasil porque já jogou pelo Goiás. "Temos o Vítor chegando para a lateral e o (Marcos) Assunção para o meio-campo. São jogadores de qualidade e vai jogar quem estiver melhor", concluiu, lembrando a chegada também do experiente meia, contratado recentemente junto ao Prudente.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.