Márcio Santos deve estrear no Jundiaí

Mesmo ainda longe de sua melhor forma física, o zagueiro Márcio Santos, tetracampeão do mundo com o Brasil na Copa de 1994, nos Estados unidos, deve estrear no Etti Jundiaí, domingo, no estádio "Jaime Cintra", contra o Guarani pelo Torneio Rio-São Paulo. O jogador deverá substituir o suspenso Anderson na partida deste domingo, às 16 horas, contra o Guarani, no estádio Jaime Cintra, pela oitava rodada do Torneio Rio-São Paulo. Mesmo com o Etti Jundiaí não estando em boa fase, o jogador de 32 anos não esconde a ansiedade de poder estrear pelo clube jundiaiense. O clube ocupa a lanterna entre os paulistas e a 11ª colocação no geral, com nove pontos ganhos. "Estou com muita vontade de entrar e ajudar o Etti a sair desta incômoda situação. Ainda não estou em perfeitas condições, mas acredito que já dê para fazer uma boa estréia", explicou o zagueiro. Se para a posição de Anderson o técnico Giba já tem o substituto, para os lugares do volante Vágner Mancini, machucado, e do meia Marcinho, suspenso, o treinador ainda não definiu quem enfrenta o Bugre. Maurinho, Léo e Bechara brigam pelas duas vagas. No ataque, Nenê, um dos artilheiros do time, com quatro gols, disputa a vaga com o estreante Cléber, contratado junto à Portuguesa. Alheio às brigas, o zagueiro Umberto, de 22 anos, foi emprestado hoje ao Bandeirante, de Birigüi. O jogador, apesar de estar na reserva, já tem em seu currículo os títulos da Copa Estado de São Paulo de 1999, o Paulista da Série A-2 e Brasileiro da Séri e C, ambos em 2001.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.