Marco Aurélio tem dúvidas no Cruzeiro

O técnico Marco Aurélio ainda não definiu o time do Cruzeiro que enfrenta o Flamengo, na quarta-feira, no estádio Castelão, em Fortaleza, pela semifinais da Copa dos Campeões. A volta do zagueiro Cris, que cumpriu suspensão automática na vitória contra o Goiás, no entanto, proporcionou ao treinador mais uma opção na escolha do esquema tático que irá utilizar na partida. Para o confronto contra a equipe carioca, ele poderá até utilizar três zagueiros.No treino realizado na manhã desta segunda-feira, no Centro de Treinamento do Uniclinic, no município de Lagoa Redonda, o técnico do Cruzeiro testou os dois sistemas. Caso opte pelo 3-5-2, ele manterá Marcelo Batatais na equipe. Se a escolha for o tradicional 4-4-2, Augusto Recife e Vander deverão ser os substitutos dos volantes Fernando Miguel - que recebeu o terceiro cartão amarelo no último jogo - e Ricardinho - que foi expulso."Para mim tanto faz, a equipe já jogou no 4-4-2 e no 3-5-2 e o esquema que for escolhido a gente vai pôr em prática o que o professor pediu, para que na quarta-feira a gente possa ganhar do Flamengo", disse o volante Augusto Recife.O lateral-direito Maicon se recuperou da lesão na coxa direita e participou da segunda parte do treinamento desta segunda-feira, praticamente confirmando sua presença na partida. Já o volante Ruy continua se recuperando de uma luxação no ombro direito e ficou de fora do coletivo. Na terça-feira, o último treinamento do Cruzeiro para o jogo contra o Flamengo deverá ser realizado no Castelão.Negócio - O atacante Marques, que deverá se desligar do Atlético-MG, por conta da nova política salarial do clube mineiro, pode estar sendo negociado justamente com o maior rival atleticano.O presidente do Cruzeiro, Zezé Perrella, disse que estaria disposto a participar de uma negociação que envolveria a troca de Marques por algum jogador cruzeirense, conforme vem sendo divulgado pela imprensa mineira. Especula-se que a transação poderia envolver a ida do atacante Marcelo Ramos para o rival. A assessoria de imprensa do Cruzeiro, no entanto, informou que o clube, até o momento, não recebeu nenhuma proposta oficial dos dirigentes atleticanos. O presidente do Conselho Deliberativo do Atlético, por sua vez, negou que esteja havendo qualquer tipo de negociação. "Não sei de onde veio isso, não tem sentido."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.