Arquivo/AE
Arquivo/AE

Marcos convoca torcida e cobra 'caldeirão' no Palestra

Palmeiras encara o Atlético-PR na próxima quinta, no primeiro jogo das oitavas de final da Copa do Brasil

AE, Agência Estado

11 de abril de 2010 | 15h39

Apesar da má fase do Palmeiras e da fraca campanha no Paulistão, o goleiro Marcos convocou a torcida para transformar o Estádio Palestra Itália em um "caldeirão" na próxima quinta-feira, no primeiro jogo das oitavas de final da Copa do Brasil, diante do Atlético-PR.

"O Palestra é a nossa casa. Precisa parar com essa história que o nosso estádio faz mal. Nosso retrospecto em toda a história no Palestra é sensacional e nós temos que transformar nossa casa num caldeirão", cobrou o goleiro, que voltará à equipe depois de ser poupado nas últimas duas partidas no Paulistão.

Depois da decepção no estadual, Marcos prometeu motivação para reerguer o Palmeiras. "Estamos motivados e vamos entrar ralando a bunda na grama para conseguir um bom resultado. Se o time jogar o que sabe e a torcida empurrar do primeiro ao último minuto, vamos ter ainda mais força para tentar um resultado positivo", avisou.

Para o goleiro, o apoio dos torcedores será fundamental para ajudar o time a buscar a vitória. "Estou há muito tempo no clube e em alguns jogos só ganhamos porque a torcida acreditou e confiou até o fim. Acontece às vezes de um determinado jogador estar num momento complicado dentro de jogo, mas a torcida dá força e as coisas se revertem".

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCopa do BrasilPalmeirasMarcos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.