Arquivo/AE
Arquivo/AE

Marcos diz que faltou experiência ao time do Palmeiras

Goleiro afirma que o grupo é muito jovem e não tem jogadores acostumados a disputar decisões

Agencia Estado

12 de outubro de 2009 | 21h23

Sempre sincero, Marcos admitiu que a atuação do Palmeiras foi desastrosa na derrota para o Náutico, por 3 a 0, nesta segunda-feira, no Recife. O goleiro lamentou os desfalques, reclamou da defesa, disse que os volantes tiveram uma atuação abaixo do normal e "parabenizou" o técnico Muricy Ramalho por evitar uma derrota "mais elástica".

Veja também:

linkJOGO - Leia como foi Náutico 3 x 0 Palmeiras

especialMASCOTES - Baixe o papel de parede do seu time

especialVisite o canal especial do Brasileirão

Brasileirão 2009 - lista Tabela | tabela Classificação

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

Mas, segundo Marcos, o maior problema do Palmeiras foi "a falta de experiência". "Não temos jogadores acostumados a decisões, é um grupo muito jovem. No primeiro tempo a gente só observou o Náutico jogar", explicou o goleiro, que é um dos líderes do elenco palmeirense.

"Cometemos muitos erros atrás, foi uma partida péssima. A gente sabe que alguns jogadores são mais importantes e quando eles não jogam a gente sente bastante, principalmente o Diego Souza e o Vágner Love", disse o goleiro, ao citar dois dos oito desfalques palmeirenses.

No primeiro gol do Náutico, Marcos rebateu um cruzamento para dentro da área e a bola sobrou para Cláudio Luiz abrir o placar. Mas o goleiro garantiu que não falhou no lance. "Dois caras do Náutico trombaram comigo e você quer que eu faça o quê? Segure a bola? Eu soquei e ela caiu no pé de um cara que estava livre. Toda a vez a culpa é minha?", desabafou. "Com certeza vão falar mais do primeiro gol do que todas as outras defesas que eu fiz."

Apesar da derrota, o Palmeiras manteve a diferença de cinco pontos na liderança do Campeonato Brasileiro. A equipe de Muricy tem 54 pontos, contra 49 do vice-líder São Paulo. Pela próxima rodada, no domingo, os palmeirenses recebem no Palestra Itália o sexto colocado Flamengo, que vem embalado pela vitória justamente sobre os são-paulinos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.