Marcos elogia evolução física após estreia do Palmeiras

O goleiro Marcos comemorou neste domingo o bom resultado do Palmeiras na estreia pelo Campeonato Brasileiro. Em entrevista coletiva após a vitória por 1 a 0 sobre o Botafogo em São José do Rio Preto, ele destacou que o técnico Luiz Felipe Scolari vem dando atenção especial à parte física do elenco, que enfrentará mais 37 rodadas pela competição nacional e disputará ainda a Copa Sul-Americana a partir do segundo semestre.

AE, Agência Estado

22 de maio de 2011 | 19h47

"O Felipão treinou bastante a parte física para poder suportar o Brasileiro. Claro que a gente sabe que vai jogar melhor do que hoje no decorrer do campeonato. Esta pontuação de três pontos me deixa muito feliz para trabalhar durante toda a semana", disse o goleiro do Palmeiras.

Para Marcos, independentemente do magro resultado deste domingo no interior paulista, o mais importante foi o Palmeiras ter iniciado à competição com uma vitória. Ele lembrou de uma frase do ex-técnico do alviverde e atual técnico do Santos, Muricy Ramalho, para explicar a importância do resultado. "Como diria Muricy, um grande técnico e que passou pelo Palmeiras, não importa se jogou bem ou jogou mal, o importante é vencer", comentou, elogiando em seguida o atacante Kléber, que marcou o golaço de fora da área que garantiu a vitória da equipe paulista.

A partida deste domingo em São José do Rio Preto teve um significado especial para o goleiro palmeirense. Foi a primeira do último Campeonato Brasileiro que Marcos disputará, já que ele anunciou que pretende encerrar a carreira no final deste ano. Na quinta-feira passada, o goleiro completou 15 anos da sua estreia em campeonatos oficiais pelo Palmeiras. Ao todo, Marcos conta com 512 partidas pelo time palmeirense. É o segundo goleiro que mais defendeu o clube, atrás de Leão, com 617 jogos, e o sétimo jogador que mais atuou em toda a história alviverde.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.