Mailson Santana/ FFC
Mailson Santana/ FFC

Marcos Júnior lamenta saídas, mas prevê Flu 'melhor este ano do que em 2017'

"Perdemos jogadores de qualidade, companheiros que nos ajudaram muito, mas temos jogadores capacitados"

Estadão Conteúdo

23 Janeiro 2018 | 18h58

Marcos Júnior começou a temporada como titular e um dos nomes mais "experientes" do elenco do Fluminense, mesmo aos 25 anos. Afinal, o clube tricolor perdeu boa parte de seus principais nomes, como Diego Cavalieri, Henrique, Wendel, Gustavo Scarpa e Henrique Dourado. Mas mesmo com essa debandada, o atacante acredita em um time mais forte do que o de 2017.

+ Confira a tabela da Taça Guanabara

"Perdemos jogadores de qualidade, companheiros que nos ajudaram muito no ano passado, mas temos jogadores capacitados, jogadores que não são tão renomados, mas são de qualidade. Creio que esse ano vai ser melhor do que o ano passado", declarou nesta terça-feira.

Se em 2017 oscilou entre banco de reservas e titularidade, neste ano Marcos Júnior começou como titular absoluto do Fluminense, pelo qual completou 200 partidas no sábado, contra o Botafogo. Agora, o atacante mira uma sequência para se estabelecer na equipe de Abel Braga.

"No final do ano passado, tive uma sequência boa com o Abel. Nunca deixei de treinar, de trabalhar, sempre soube que uma hora a oportunidade ia chegar. Minha meta para esse ano é continuar com essa pegada do ano passado, espero ter mais sequência e fazer um bom trabalho esse ano", comentou.

Nas duas primeiras rodadas do Campeonato Carioca, o Fluminense saiu sem vencer, mas Marcos Júnior já viu evolução na equipe. "Ainda está muito no começo da temporada, as outras equipes vem treinando há um tempo, mas a equipe do Fluminense, aos poucos, vem melhorando taticamente, obedecendo o que o Abel vem falando. Esperamos melhorar mais a cada dia."

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.