Marcos pega 4 meses e Welton Felipe fica 2 jogos fora

O Atlético Mineiro teve três jogadores julgados nesta terça-feira no Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) de Minas Gerais. Um deles, o volante Carlos Alberto, foi absolvido. Mas dois zagueiros do clube foram punidos por agressões no segundo jogo da final do Campeonato Mineiro, contra o Cruzeiro. O caso mais preocupante é o de Marcos, que pegou 120 dias de suspensão. Já Welton Felipe foi punido com dois jogos, mas a pena só pode ser cumprida no Estadual.

AE, Agencia Estado

19 de maio de 2009 | 22h43

Marcos, que se recupera de contusão, foi denunciado por agressão ao atacante Kléber. Além do gancho pesado, o zagueiro terá que cumprir a punição no Campeonato Brasileiro. Assim, voltaria ao time apenas em outubro, já para a 31.ª rodada da competição. No entanto, o Atlético promete recorrer da decisão e pedir um efeito suspensivo para o jogador. Se conseguir, o zagueiro atleticano teria que ser julgado novamente pelo TJD mineiro.

Na mesma sessão desta terça-feira, Leão, ex-técnico do Atlético, também foi julgado. Denunciado por invadir o campo para reclamar com a arbitragem no intervalo do jogo e depois acabar expulso, o treinador pegou e mesma pena que Marcos, e terá de permanecer por quatro meses afastado das competições nacionais.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.