César Greco / Agência Palmeiras
César Greco / Agência Palmeiras

Marcos Rocha prevê Palmeiras com mais 'fôlego' para decisão de domingo com Grêmio

Abel Ferreira decidiu poupar principais jogadores do time no clássico com o Corinthians, visando a final da Copa do Brasil

Redação, Estadão Conteúdo

04 de março de 2021 | 17h38

Com a semana toda reservada para a preparação para o segundo jogo da final da Copa do Brasil, domingo, diante do Grêmio, o lateral-direito Marcos Rocha prevê um Palmeiras com mais 'fôlego' para buscar o terceiro título da temporada 2020.

"Tendo uma semana praticamente livre, na qual o Abel teve uma decisão de poupar boa parte da equipe para trabalhar e recuperar fisicamente, com a sequência de jogos que o Palmeiras teve este ano, vai ser importante para chegar no domingo com mais fôlego, vontade, garra e determinação para defender o resultado e buscar vencer", afirmou o defensor nas redes sociais do clube.

Otimista, o lateral aposta que se o Palmeiras repetir a postura apresentada em Porto Alegre no primeiro jogo, quando venceu por 1 a 0, principalmente após a expulsão do zagueiro Luan, as chances de a equipe se sagrar campeã é muito grande.

"Resultado importante que conseguimos no primeiro jogo, sabíamos da dificuldade que iríamos encontrar, ainda mais com a expulsão. A gente teve que se doar ainda mais dentro de campo, correr ainda mais, para que pudéssemos segurar o resultado. Sabemos que a equipe do Grêmio é perigosa. Se entrarmos concentrados e nos doarmos, como foi nos 45 minutos finais com um a menos, temos a possibilidade grande de sair com essa vitória e conseguir esse título", disse Marcos Rocha, que foi campeão em 2014 com o Atlético-MG sobre o rival Cruzeiro.

"Foi bastante especial, ainda mais se tratando de vantagem em cima do Cruzeiro, que vinha ganhando o Campeonato Brasileiro. Conseguimos dois resultados positivos. Agora é uma oportunidade única de conquistar mais um título, deixar o nome novamente na história do Palmeiras. O intuito do grupo, da diretoria, é deixar o ano de 2020 marcado com mais um título", afirmou o defensor, referindo-se ao fato de o elenco alviverde já ter ganho o Campeonato Paulista e a Copa Libertadores.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.